Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Editorial - Junho – No SEIS rumo ao ano SETE!

  • 2017-06-10 09:04
  • Autor: Solange Pinto


A aventura, começa agora… rumo ao ano sete!

Gosto bem mais do algarismo sete… o ‘sete’, está e sempre esteve conotado com o gosto pelo jogo, pela sorte ou azar e pela vontade de ganhar…

Gosto da sorte, mas vivo o azar como forte motivação na procura da sorte!

Sinto o ‘sete’, como o meu objectivo a perseguir… a meta que quero e sei que vou alcançar… sigo aqui a teoria do Mestre Mourinho. A auto-confiança, é ainda a melhor solução para sobreviver às mentes arrasadoras e destrutivas… Querem, mas não podem!

Hoje, precisamente hoje, estou, estamos todos de parabéns! Jogámos, ganhámos! Sorte? Sim, mas muita perspicácia, muito trabalho e empenho… somos os melhores? Sim, somos!

E fazemos seis anos de ‘vida’…!

O ano ‘seis’, é quiçá o mais importante da história do TouroeOuro. É o mais importante, porque é o ano presente, aquele em que, nos dedicaremos a 300 por cento para que o seu site, permaneça no lugar cimeiro da informação taurina!

Vivemos o ano seis, carregados de sonhos… e sempre que o Homem sonha, o mundo pula e avança…

Dos fracos nunca rezará a história, mas os fortes, têm-na e nós, temos toneladas de histórias vividas em 2.190 dias ao serviço da informação. Sim, porque para o TouroeOuro não há fins-de-semana, férias, verões ou invernos. No TouroeOuro, todos os dias são dias de contar a tauromaquia e todos os dias, são dias para que você nos visite.

12 mil seguidores no Facebook expressam bem a força do TouroeOuro, sendo a página de tauromaquia mais acompanhada no universo luso e nem mesmo as pedras que nos querem colocar no caminho, nos farão tropeçar… Saltamo-las, porque na mira, está o ano ‘sete’, aquele em que projectamos avançar com um projecto megalómano à escala da tauromaquia lusa.

Acreditem… nunca Vos mentimos e o que prometemos, cumprimos!

Não estamos sozinhos, nunca estivemos e ao longo de seis anos, trouxemos muita ‘gente’ connosco!

No primeiro dia de viagem rumo ao ano ‘sete’, resta-nos olhar para trás e sorrir e olhar para a frente e encher o peito de ar…

Aos nossos colaboradores, obrigado! Aos nossos amigos, dizer que Vos adoramos e aos nossos visitantes, a nossa vénia!

A aventura, começa agora… rumo ao ano sete!