• geral@touroeouro.com

‘Não baixaremos os braços até que a Ministra da Cultura nos respeite’ – Afirma Paulo Pessoa de Carvalho

  • 2018-11-06 21:11
  • Autor da Foto: D.R.


Após as mais recentes declarações da Ministra da Cultura, que depois de incivilizados, afirmou que os aficionados são retrógrados, assim entende a Protoiro; Paulo Pessoa de Carvalho, anunciou ao TouroeOuro que ‘a PRÓTOIRO não baixará os braços quanto ao seu pedido e intenção. A demissão da ministra é justificável pelo facto da pessoa em questão, não ter aptidões em nosso entender, para o cargo, por isso, independentemente de quando, até ela sair, iremos apelar à sua demissão, salvo a sua postura seja alterada e olhe para nós (tauromaquia), como outra qualquer expressão cultural!’.

Questionado ainda se caso esta decisão fosse aprovada (Iva para as actividades tauromáquicas a 13%, bem como a questão do Iva para os toureiros), passando mesmo na discussão do orçamento na especialidade, poderiam recorrer ao Tribunal Constitucional, para reverter a decisão governamental, Paulo Pessoa de Carvalho admitiu essa hipótese, ‘caso esta diferenciação dentro do sector da cultura venha a ser uma realidade, o que acreditamos que não acontecerá, então agiremos com todos os meios ao nosso alcance, pois as inconstitucionalidades ainda são em nosso entender e inclusive da justiça, reversíveis e puníveis, pelo que tudo faremos para que caso o inverosímil acontecesse, corrigir a situação’, concluiu.

O Presidente da Protoiro aproveitou ainda a ocasião para apelar a todos que continuem a assinar a Petição pela demissão da Ministra da Cultura, Graça Fonseca, em http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=DemissaoMinistraCult.

Meteorologia