Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Associação de Toureiros lamenta morte de Joaquim Bastinhas

  • 2019-01-03 18:57


A Associação Nacional de Toureiros (ANDT), presidida por Nuno Pardal, fez hoje, 3 de Janeiro, um voto de pesar, pela morte do cavaleiro Joaquim Bastinhas, ocorrido no passado dia 31 de Janeiro, recordando o seu associado, pela sua trajectória profissional e pessoal.

‘Passado o momento da despedida e da enorme dor sentida, a Associação Nacional de Toureiros vem expressar o mais profundo pesar pela morte de Joaquim Bastinhas, nascido Joaquim Manuel Carvalho Tenório, a 8 de março de 1956, em Elvas. O seu desaparecimento representa uma enorme perda para a Cultura portuguesa, em particular para a tauromaquia, arte que abraçou desde muito jovem.’, afirma a ANDT.

A ANDT, recorda Joaquim Bastinhas, ‘como um cavaleiro carismático, um ídolo para muitos portugueses, com quem criou uma relação ímpar de respeito e admiração ao longo da sua vibrante e brilhante carreira. As milhares de pessoas que marcaram presença no último adeus a Joaquim Bastinhas, em Elvas, são exemplo da forma como este "cavaleiro do povo" contagiava a afición.’

‘Como cavaleiro, como colega e como homem, Joaquim Bastinhas deixa um vazio em todos os que tiveram o privilégio de trabalhar e conviver com ele. A simpatia e boa disposição, aliadas às enormes conquistas obtidas numa carreira construída a pulso, fazem de Joaquim Bastinhas um exemplo que perdurará no tempo.’

A ANDT aproveita ainda a ocasião para ‘aos amigos e à família enlutada, endereçar as mais sentidas condolências neste momento de intensa dor.’