Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Forcado do Aposento da Moita em coma induzido no Hospital de São José

  • 2019-07-07 14:27


Conforme noticiamos anteriormente os forcados, João Ventura e Luís Fera, sofreram este sábado traumatismos graves, na corrida que se realizou em Coruche.

Luís Fera, que foi helitransportado, de Coruche para o Hospital de São José, em Lisboa, encontra-se em coma induzido.
De acordo com Leonardo Mathias, cabo do Grupo de Aposento da Moita, o facto de estar em coma induzido não deve ser encarado como algo alarmante, mas sim como uma medida preventiva e sobretudo atenuante.

Os médicos estão mesmo a aliviar a sedação ao forcado, de modo a que este vá acordando de forma a avaliar o real estado clínico de Luís Fera, que estes acreditam que não tenha sofrido lesões de maior gravidade cerebral, confirmadas pelos exames até aqui já realizados.

Luís Fera tem ainda uma fractura no maxilar superior.

Por sua vez, João Ventura, que ficou inanimado na arena coruchense, foi conduzido ao Hospital Distrital de Santarém, tendo alta na madrugada, não sofrendo lesões graves.

O TouroeOuro endereça votos de rápido restabelecimento a ambos os forcados.