Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Toureiros suspeitam que touros da corrida da Aldeia da Luz estavam lidados e participam facto à IGAC

  • 2019-09-02 19:02


Toureiros podem vetar ganadaria Luis Rocha

A corrida deste sábado, 31 de Agosto, na Aldeia da Luz, está envolta em suspeitas e polémica, com os toureiros, cavaleiros e bandarilheiros, a efectuaram uma acta/participação, que foi hoje mesmo, segunda-feira, remetida para a Inpecção Geral das Actividades Culturais, Associação Portuguesa de Criadores de Toiros de Lide e Associação Nacional de Toureiros, onde dão conta das suspeitas de que dois dos três toiros da ganadaria Luís Rocha, com os números 2 e 5, que foram lidados no espectáculo tinham sido lidados anteriormente.

As suspeitas começaram com o estranho comportamento do touro que foi lidado por João Moura Caetano, e adensaram-se aquando da lide do cavaleiro praticante Manuel Oliveira, levando os toureiros, à excepção do rejoneador mexicano Emiliano Gamero e do seu bandarilheiro espanhol, a solicitar à Direcção de Corrida, que procedesse à elaboração de uma acta, que viria a ser assinada por todos, incluindo o representante da empresa, onde se dava conta das suspeitas, e onde era pedida a intervenção das três entidades acima mencionadas, que investiguem a ocorrência, de modo a que se possa proceder em conformidade.

De acordo com o que o TouroeOuro apurou, as três entidades terão já recepcionado a acta/participação dos toureiros, e decorrem já investigações, sobretudo através de o visionamento de alguns vídeos, que circulam inclusive nas redes sociais, onde as semelhanças entre uma das reses avoluma as suspeitas.

Uma das sanções que podem recair sobre a ganadaria e que está a ser equacionada, sobretudo pelos toureiros, é uma recusa por parte dos toureiros, em voltar a lidar touros com a divisa alentejana.

Da parte da Associação de Criadores de Toiros de Lide, e de acordo com o que o TouroeOuro apurou, não existe uma sansão prevista para estes casos, estando a Direcção da mesma a aguardar o desenrolar das averiguações agora iniciadas.

 

Nota da Redacção: FOTO ILUSTRATIVA - Não correspondente a nenhum dos touros em questão

google.com, pub-5416276538842499, DIRECT, f08c47fec0942fa0