Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Morreu Rogério Amaro

  • 2020-11-06 10:12


Morreu aos 72 anos um dos mais emblemáticos empresários do nosso país, apoderado e forcado e ex-cabo dos Amadores do Montijo

Tinha 72 anos e não resistiu a uma doença oncológica grave e que apenas se manifestou quando ia já em estado adiantado.
Morreu ao dia de hoje 6 de Novembro, pelas 6 horas da manhã, no Hospital de São José, em Lisboa.
Rogério Amaro foi casado com Maria de Jesus Amaro, entretanto já viúvo e de quem tinha uma única filha, Ana Patrícia. Era avô "babado" de três netas.

Rogério Amaro foi um dos mais notáveis empresários tauromáquicos portugueses, tendo passado pela gestão de quase todos os tauródromos de maior relevância, acumulando a gestão de muitos deles, em simultâneo, constituindo-se por isso e durante largas temporadas, o "Homem Forte" da tauromaquia nacional.
Durante 21 anos, manteve parcerias com o malogrado empresário Antonio Manuel Cardoso "Nené", sendo que manteve também apoderamentos de figuras do toureio, como Joaquim Bastinhas, sendo ainda o grande responsável pelo seu regresso às arenas depois do acidente, recorde-se, no Coliseu Figueirense e Elvas.
Rogério Amaro foi também além de empresário e apoderado, forcado e ex-cabo do Grupo de Forcados Amadores do Montijo (entre os anos 1976 e 1981).

A tauromaquia está de luto, sendo que até ao momento não são ainda conhecidos os pormenores das cerimónias fúnebres, agora condicionadas devido à pandemia por Covid-19.

O Touroeouro endereça à família e amigos, as mais sinceras condolências.

google.com, pub-5416276538842499, DIRECT, f08c47fec0942fa0