Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Opinião d'Ouro - Eventual fim da tauromaquia em Lisboa? Há quanto tempo o TouroeOuro Vos avisou?

  • 2021-07-21 21:55
  • Autor: João Dinis


"Que temos uma Prótoiro inexistente, associações que nem sabemos se podem existir, isso já nós sabíamos, agora não podem é acusar-nos de não termos feito a nossa parte!
Nós avisámos, noticiámos e denunciámos muitas das situações que tivemos conhecimento, e que se tivéssemos uma verdadeira defesa da Festa, poderiam estar minimamente acauteladas."

Confesso que me farto de rir (para não chorar), com a tristeza em que está mergulhada a nossa tauromaquia e naquilo que a tornaram, levando-a a um ponto quase sem retorno no que diz respeito mesmo à sua sobrevivência.

Foi ontem apresentado o acordo entre a candidatura de Fernando Medina, apoiado pelo PS e o Partido Livre, à Câmara Municipal de Lisboa, na coligação “Mais Lisboa”, em que estes assumem que “um novo pacto verde para Lisboa”, onde a tauromaquia e o bem-estar animal têm uma menção especial.

De acordo com a proposta apresentada, o PS e o Livre “comprometem-se a trabalhar no sentido de tornar Lisboa uma cidade livre de sofrimento animal, dentro das competências legais do Município na matéria”, o que em curtas palavras quer dizer que a Autarquia lisboeta tudo fará para a não realização de corridas na Praça de Touros do Campo Pequeno.

Mas, se bem se recordam, já aqui o escrevemos por inúmeras vezes, que as corridas de touros em Lisboa tinham os dias contados, e ainda assim, acreditem, foram ‘salvas’ pela pandemia.

Se hoje ainda temos corridas anunciadas, podem mesmo acreditar que se ficou a dever à pandemia e a todos os processos que a ‘dita cuja’ atrasou, pois, e reforço, como aqui já nos tínhamos cansado de escrever, o objectivo seria mesmo terminar com a tauromaquia em Lisboa em 2022.

Que temos uma Prótoiro inexistente, associações que nem sabemos se podem existir, isso já nós sabíamos, agora não podem é acusar-nos de não termos feito a nossa parte!
Nós avisámos, noticiámos e denunciámos muitas das situações que tivemos conhecimento, e que se tivéssemos uma verdadeira defesa da Festa, poderiam estar minimamente acauteladas.

Acho que chega a tocar o ridículo, fazerem grandes títulos com esta intenção de Medina, que estava mais que previsto que assim seria… basta procurarem nos arquivos do TouroeOuro!

Mas também é verdade, quando temos agentes taurinos que não perdem tempo a ler as Leis, que atacam o Governo que lhe meteu dinheiro nas mãos que nunca ganharam na vida… que podemos esperar mais se não o fim?!

Quando tempos empresas, essas sim verdadeiramente anti-taurinas, em que a principal preocupação delas é ‘acabar com o TouroeOuro’, não nos acreditando, pensando que é assim que nos ‘calam’ ou ‘castigam’… pobres coitados…

Mas sobre todas estas intenções de Medida, e não só, temos mais a dizer e por isso, vão estando atentos ao TouroeOuro que em breve temos grandes novidades… há culpados! Os agentes taurinos que misturaram a tauromaquia com a política!

Quando qualquer ‘coiso ou coisa’ quer aparecer, politicamente falando, basta meter meia dúzia de parangonas no Facebook a dizer mal do Governo e que apoia a tauromaquia, que é aqui acolhido de braços abertos… Lembro-me agora de três exemplos flagrantes, que nos últimos anos se aproveitaram claramente da tauromaquia para aparecerem, existirem socialmente e fazerem publicidade aos seus partidos…
Alguns até já foram Governo, e o que fizeram pela tauromaquia? “Bola”, como diz Jorge Jesus!

Outros, que nunca foram vistos numa corrida, ou numa tourada, como gostam de dizer, dizem muito defender o mundo rural… mas sabem lá o que é isso…

Cúmulo do ridículo… Ter numa corrida uma ex-autarca e que é actualmente um dos nomes mais influentes no partido do Governo e ir brindar uma lide a uma senhora que chegou aqui, diz que apoia a tauromaquia, pede fotos a meio mundo… e o que o partido dela fez pela tauromaquia? Assobiou para o lado…

Sinceramente não me/nos metem política pelos olhos dentro, porque curiosamente, a nível profissional trabalhamos com todos os quadrantes políticos imaginem, mas não fazem de nós estúpidos!

Cada dia que passa com estes intervenientes no cérebro da tauromaquia é um dia a menos que a actividade vai ter.

Lisboa é apenas mais um passo… o próximo prometo contar na sexta-feira!

google.com, pub-5416276538842499, DIRECT, f08c47fec0942fa0