• geral@touroeouro.com

Em directo

Campo Pequeno, 07 de Junho 2018

2018-06-07 21:00:00

7º - João Augusto Moura (Torre Onofre - 405 quilos)

De verde garrafa e ouro, João Augusto Moura, sobrinho de João Moura, lidou um novilho da sua própria ganadaria, escasso de força. A sua falta de condição fisica, acabou por abortar sobretudo com a flanela rubra, qualquer possibilidade de lucimento.
O dinástico toureiro brindou a seu tio e El Juli, uma faena mostrando todo o seu potencial neste 'sector' do toureio, embora hoje, mais feito de intenções. Antes e de capote, recebeu com uma larga afarolada de joelhos em terra, estando bem de capote.

João Augusto Moura - Não deu volta embora autorizada

6º Touro - Miguel Moura (Manuel Coimbra - 530 quilos)

Excelente início de faena por parte do jovem Miguel Moura.
Esteve 'endiabrado' e notou-se desde o primeiro instante. O terceiro 'Coimbra' da noite, foi 'simplesmente' recebido com um primeiro comprido cravado em sorte de gaiola, resultando quiçá no momento mais 'alto' da sua segunda actuação, escutando de forma notória as primeiras ovações da sua segunda função.
Os curtos decorreram em tom mais morno, mas ainda assim, foi uma prestação agradável, ao som de música, prontamente concedida por Pedro Reinhardt.

A última pega da noite e em consequência, última destinada aos Amadores de Monforte, foi concretizada à prmeira tentativa por Pedro Peixoto.

Miguel Moura - Volta
Pedro Peixoto - Volta

5º Touro - João Moura Júnior - (Francisco Romão Tenório - 616 quilos)

A derradeira actuação de João Moura Júnior, nesta noite, foi, de resto como a sua anterior, pautada por um tom crescente no que concerne a transmissão!
O filho primogénito do toureiro homenageado desta noite, subiu o nível da sua prestação quando montou o Xeque-Mate, fazendo batida ao pitón contrário, rematando com piruetas cingidas. Pedro Reinhardt concedeu música ao toureiro, mas já na recta final da sua exibição. Terminou com dois palmitos.

Fábio Mileu, dos Amadores de Arronches, concretizou pega ao segundo intento.

João Moura Júnior - Volta
Fábio Mileu - Volta

4º Touro - João Moura (Francisco Romão Tenório - 592 quilos)

Não teve o 'som' do anterior toiro e 'custou' mais trabalho a João Moura brilhar junto deste astado, definitivamente não sendo bafejado pela sorte no que concerne ao seu lote de toiros. Contudo e porque a veterania ainda é um posto e a mestria mais ainda, João Moura rubricou uma soberba actuação frente ao quarto da ordem, crescendo a cada ferro, recriando-se na brega, como de resto sempre foi seu apanágio. Afinal de contas... é dele que se falará por muitas décadas, do seu toureio, da sua revolução!
Terminou com um palmito e o público em pé, uma prestação iniciada de forma espectacular, com dois bons compridos, dobrando-se num palmo de terreno.
João Moura brindou à Administração do Campo Pequeno e a Julián Lopez 'El Juli', aqui presente esta noite.

Ricardo Almeida, dos Amadores de Portalegre, efectivou boa pega à primeira tentativa.

João Moura - Volta
Ricardo Almeida - Volta

3º Touro - Miguel Moura (Francisco Romão Tenório - 638 quilos)

Ahora...!!!
Actuação de luxo aquela que foi protagonizada por João Miguel Braz de Moura!
Dois compridos de boa nota a que se seguiram curtos de 'escândalo', com imponente batida ao pitón contrário. A cada ferro, um hino! E a cada ferro, todo o público em pé.
Terminou com um palmito, uma prestação também ela brindada ao pai João Moura.
Toiro muito voluntarioso de Francisco Romão Tenório.

Nuno Toureiro, dos Amadores de Monforte, consumou pega ao primeiro intento.

Miguel Moura - Volta
Nuno Toureiro - Volta

2º - João Moura Júnior - (Manuel Coimbra - 572 quilos)

Se o início da sua função foi em tom apenas morno, o tal do tom foi crescendo e terminou em bom... tom!
Moura Júnior brindou a seu pai e de menos a mais, protagonizou uma boa prestação, com ferros a subir de quilates até terminar num palmito de grande nível.

A primeira pega da noite pertencente ao Grupo de Forcados Amadores de Arronches, foi efectivada por Manuel Cardoso à primeira tentativa.

João Moura Júnior - Volta
Manuel Cardoso - Volta

1º Touro - João Moura - (Manuel Coimbra - 585 quilos)

Depois de toda a emoção criada pela Homenagem que lhe foi feita, com toda a justiça, pelo cumprimentos dos seus 40 anos de alternativa, João Moura entra em 'cena' para a lide do primeiro da noite, com um triplo brinde, feito na ocasião ao público, aos céus e aos seus filhos e sobrinhos.
A sua prestação decorreu em tom crescente, frente a um mansote que pouco se empregava, deixando contudo, constância da sua Mestria e ofício, terminando com um ferro de mérito.
Moura lidou ao som de música.

João Fragoso, dos Amadores de Portalegre, efectivou pega ao segundo intento.

João Moura - Não deu volta, embora autorizada (saudou)
João Fragoso - Volta

Cortesias...

Depois da bonita homenagem ao Maestro João Moura e toda a dinastia por si criada, eis que se fizeram já as cortesias na arena do Campo Pequeno, encabeçadas pelo patriarca. João Moura, João Moura Júnior, Miguel Moura e Tomás Moura, bem como o seu sobrinho João Augusto Moura saudaram o público que preenche três quartos de casa fortíssimos.
O espectáculo conta ainda com as presenças dos forcados dos Grupos de Portalegre, Arronches e Monforte.
A corrida dirigida por Pedro Reinhardt, começa agora!

 

Ambiente antes da Corrida...

O cavaleiro João Moura é hoje o nome de quem se fala...
João Moura, é na verdade, o nome de quem se fala há mais de quarenta anos, os mesmos que cumpre de alternativa, no próximo dia 11 de Junho, recebida em Santarém, das mãos do saudoso Mestre David Ribeiro Telles.
Hoje, actua na mais importante praça de touros do país, onde fará o 'paseíllo' acompanhado dos seus três filhos, João António, João Miguel e João Tomás, bem como do seu sobrinho, João Augusto Moura, novilheiro.
Todos renderemos tributo ao revolucionário Moura, à referência que foi, ao toureiro que sempre será!
As pegas estarão a cargo dos Amadores de Portalegre, Arronches e Monforte!