Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Em directo

Figueira da Foz, 29 de Agosto 2020

2020-08-29 21:30:00

Ganadaria Santos Silva vence troféu em disputa

Esta noite disputou-se um prémio para a melhor ganadaria em praça.
O troféu foi ganho pela ganadaria Santos Silva.

6º Touro - Joaquim Brito Paes (Santos Silva - 560 quilos)

Ao cavaleiro Brito Paes coube lidar o último da corrida, um 'Santos Silva' complicado e que a todo o momento se adiantava na viagem, pedindo por diante um toureiro afoito e com vontade de contornar obstáculos.
Joaquim cumpriu com valentia e com regularidade, consentindo alguns toques nas montadas mas que ainda assim, não invibiliziariam a atribuição de música, o que incompreensívelmente nunca chegou a acontecer.

A derradeira pega da já longa noite, foi efectivada pelos Amadores de Coimbra, ao quarto intento.

Joaquim Brito Paes - Volta não autorizada
GFA Coimbra - Volta não autorizada

5º Touro - Soraia Costa (António Valente - 565 quilos)

Papeleta difícil teve a jovem cavaleira Soraia Costa frente ao quinto toiro da noite, de António Valente.
Mais pesadote que os toiros anteriores desta mesma ganadaria e de comportamento radicalmente estranho, a toureira nortenha, mais não pôde que deixar a ferragem da praxe, sem brilhantismos, mas com valentia.

Esta pega foi destinada ao Grupo de Forcados Amadores de Monforte, sendo consumada à segunda tentativa.

Soraia Costa - Volta autorizada
GFA Monforte - Volta autorizada

4º Touro - Luís Rouxinol Júnior (António Valente - 525 quilos)

Luís Rouxinol Júnior lidou o segundo 'António Valente' da fria noite e que tal como o anterior, saiu de forma vistosa e com 'pata'... Ainda assim, não emprestou jogo facilitado ao jovem ginete, tendo o toureiro que colocar a tudo de si para chegar ao público depois da vistosa lide de Romero.
Depois de ter passado em falso aquando da tentativa de cravar o primeiro comprido, acertou passo, deixando a ferragem da ordem de forma regular.

A segunda pega dos Amadores de Coruche, foi consumada à quinta tentativa.

Luís Rouxinol Júnior - Volta autorizada
GFA Coruche - Volta não autorizada

3º Touro - Andrés Romero (António Valente - 430 quilos)

A actuação de Andrés Romero foi pautada por duas distintas partes no que diz respeito às bandarilhas curtas.
A primeira delas, soberba, com qualidade na preparação das sortes, com exactidão nas cravagens resultantes de reuniões perfeitas; a segunda, com mais efusividade, com a sua montada a deslocar-se na vertical, a fazer as delícias do público.
Romero sofreu um percalço, sendo colhido pelo toiro, chegando mesmo a cair, sendo que não houve consequências a registar.

A terceira pega, coube ser efectivada ao primeiro intento pelos forcados do Grupo de Coimbra.

Andrés Romero - Volta autorizada
GFA Coimbra - Volta autorizada

2º Touro - Luís Rouxinol (Santos Silva - 540 quilos)

A Luís Rouxinol coube lidar o segundo toiro da ordem e que pertenceu novamente ao ganadeiro Santos Silva.
Depois dos três compridos, Luís Rouxinol deixou uma série de curtos onde se destacou principalmente na brega de colocação do oponente, tendo de porfiar para se destacar. Lidou com o Douro, terminando a função com um palmito e par de bandarilhas.

A segunda pega da noite, foi concretizada ao primeiro intento, pelo Grupo de Forcados Amadores de Monforte.

Luís Rouxinol - Volta autorizada
GFA Monforte - Volta autorizada

1º Touro - Rui Salvador (Santos Silva - 555 quilos)

Saiu à arena o primeiro toiro da noite e para a sua lide, o veterano Rui Salvador.
O toiro cumpriu não complicando e Salvador também, deixando a ferragem da praxe de boa forma, tanto em compridos, como em curtos, sendo que toda a função foi acompanhada de boa brega.
A sua actuação foi premiada com música, ainda que atribuída tardiamente.

A primeira pega da ordem, foi consumada pelo Grupo de Forcados Amadores de Coruche, numa efectivação ao primeiro intento.

Rui Salvador - Volta autorizada
GFA Coruche - Volta autorizada

Cortesias

Excelente lotação no primeiro dos dois festejos aqui realizados, lotação esgotada hoje.
A Figueira da Foz de parabéns e a Tauroleve também, pelo excelente e digno trabalho levado a efeito neste tauródromo.

As cortesias da 'nova normalidade' já se realizaram. Os seis toureiros já entraram na arena para as rápidas saudações ao público, bem como os três grupos de forcados e quadrilhas dos toureiros.

Rui Salvador, Luís Rouxinol, Andrés Romero, Luís Rouxinol Júnior, Soraia Costa e Joaquim Brito Paes, lidarão toiros das ganadarias de Santos Silva e António Valente, com as pegas a cargo das formações de Coruche, Monforte e Coimbra.

O espectáculo será dirigido pelo Delegado Técnico Tauromáquico José Soares, codjuvado pelo médico veterinário Carlos Santos, tendo sido assinalado o aniversário do Coliseu Figueirense, com um acto simbólico e o descerrar de uma placa evocativa da efeméride.

LOTAÇÃO ESGOTADA NA FIGUEIRA DA FOZ

As notícias da Figueira da Figueira da Foz, são as mais felizes... Lotação ESGOTADA no Coliseu Figueirense, comemorando-se assim e da melhor forma, os 125 anos de existência deste tauródromo, ícone da tauromaquia no centro do país.
De parabéns a afición da Figueira e a afición lusa no geral, por demonstrar a força da Festa Brava um pouco por todas as regiões do país.

google.com, pub-5416276538842499, DIRECT, f08c47fec0942fa0