Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação enquanto utilizador. A desactivação desta funcionalidade poderá impedir este site de funcionar correctamente. Ao continuar a visitar o nosso site, está a aceitar esta utilização de cookies.     [Aceitar e Fechar]
  • geral@touroeouro.com

Em directo

Moita, 16 de Setembro 2021

2021-09-16 21:30:00

7º - Tristão Ribeiro Telles (Passanha - 380 quilos)

Frente a um novilho de porte menos abastado, surgiu na arena, Tristão Ribeiro Telles.
Telles viu-se a 'braços' com um novilho que à semelhança da restante corrida, foi sonsito... Tristão cumpriu com a papeleta de boa forma, terminando com um violino e dois palmitos.

A derradeira pega das sete destinadas ao Aposento da Moita, foi concretizada à quinta tentativa, por Manuel Queiroz.

Tristão Ribeiro Telles - Volta autorizada
Manuel Queiroz - Volta não autorizada

6º Touro - Duarte Fernandes (Passanha - 525 quilos)

Duarte Fernandes apresentou-se na Moita depois da sua recente alternativa em terras de França.
Fernandes andou bem na forma como recebeu o oponente, deixando-lhe bons compridos.
Em bandarilhas, montou o Artista, alegrando o seu toureio com batidas ao piton contrário.
Duarte foi autor de uma boa actuação, na qual consentiu um toque na montada que não desfeiou a sua prestação.

A sexta pega foi consumada à primeira tentativa, por Tiago Valério, do Aposento da Moita.

Duarte Fernandes - Volta autorizada
Tiago Valério e primeiro ajuda - Volta autorizada

5º Touro - Luís Rouxinol Júnior (Passanha - 545 quilos)

A lide do quinto, chama-se nada mais, nada menos que, triunfo de Lei.
O quinto, que dizem que não o 'hay malo', foi um manso perdido e apenas foi lidado, porque se enfrentou com um toureiro que não virou a cara à luta, raramente se 'socorreu' de bandarilheiros e sobretudo, teve imenso mérito de princípio ao fim.
Ferragem bem cravada, maioritariamente a sesgo e houve um momento destacado, que foi aquele em que Luis Rouxinol Júnior esteve fechado em tábuas, sendo que o toiro se arrancou e Rouxinol, não desfez a sorte, deixando de alto a baixo, uma grande bandarilha.

A quinta de sete pegas a cargo do Aposento da Moita, foi pegado de cernelha, pela dupla composta por António Ramalho e João Serrano.

Luís Rouxinol Júnior - Volta autorizada
António Ramalho e João Serrano - Volta autorizada

4º Touro - João Ribeiro Telles (Passanha - 535 quilos)

João Ribeiro Telles actuou em crescendo.
Bem nos compridos, bem nos iniciais curtos, mas sobretudo a subir o tom nas derradeiras bandarilhas, a atacar o toiro com decisão, fazendo batida, cravando de alto a baixo. Telles, montou o Ilusionista claro está, e com ele fez a diferença!

A quarta pega de sete a cargo dos Forcados do Aposento da Moita, foi consumada à terceira tentativa por Tiago Nobre.

João Ribeiro Telles - Volta autorizada
Tiago Nobre - Não deu volta, embora autorizada

3º Touro - Filipe Gonçalves (Passanha - 560 quilos)

Filipe Gonçalves 'saiu' à arena para lidar o terceiro da ordem, arena aliás, onde se 'doutorou' em tauromaquia.
O toureiro enfrentou-se com um toiro complicado e tónica de manso, sendo que Filipe também não esteve na mais inspirada noite da sua carreira.
Cumpriu com a ferragem da praxe, de menos a mais, sem alardes de triunfo.

Martím Cosme Lopes, efectivou pega à segunda tentativa, brindando a Nuno Carvalho 'Mata'.

Filipe Gonçalves - Volta autorizada
Martim Cosme Lopes - Volta autorizada

2º Touro - Gilberto Filipe - (Passanha - 520 quilos)

Gilberto Filipe lidou o segundo Passanha da noite, que ainda que não fosse por demais evidente, apresentava ligeira condicionante física.
A actuação do cavaleiro foi condicionada pelo facto do oponente não se empregar na função, contudo e porque estas coisas acontecem, depois dos compridos, a lide veio a menos, deixando Gilberto a ferragem de forma intermitente.

João Vasco Ventura, efectivou ao primeiro intento, a sua última pega ao serviço da formação do Aposento da Moita.
Onze anos depois, despediu-se um enorme forcado.

Gilberto Filipe - Volta não autorizada
João Ventura - Volta autorizada

1º Touro - Rui Fernandes - (Passanha - 570 quilos)

A primeira actuação da noite, esteve por conta de Rui Fernandes, naquela que foi a sua primeira actuação em Portugal, na presente temporada.
Depois de brindar a António Manuel Barata Gomes e depois também de bem receber o oponente, Rui Fernandes deixou uma série de curtos de excelente nota, montando o H-Quiebro. Batidas limpas e pronunciadas ao piton contrário, bem como remates com ajustadas piruetas, fizeram desta sua prestação, uma exibição triunfal.

Esta noite, é "tão-só" a tradicional encerrona do Grupo de Forcados do Aposento da Moita.
Para a cara do toiro foi o seu cabo, Leonardo Mathias, efectivando ao primeiro intento.

Rui Fernandes - Volta autorizada e volta
Leonardo Mathias - Volta autorizada e volta

Cortesias...

As cortesias do terceiro espectáculo da Feira Taurina da Moita, já se fizeram.

O TouroeOuro começou já o terceiro DIRECTO para que você, seja o primeiro a saber de tudo o que por aqui se passar de relevante.

Pela arena passaram já os artistas da noite, acompanhados pelos forcados do Grupo de Forcados do Aposento da Moita.

A corrida terá direcção a cargo do Delegado Técnico Tauromáquico João Cantinho, coadjuvado pelo Médico Veterinário, Carlos Santos.

A Daniel do Nascimento regista - LOTAÇÃO ESGOTADA!

Antes do início da primeira actuação, foram entregues, na arena, os restantes prémios a triunfadores da temporada 2019.

LOTAÇÃO ESGOTADA NA TERCEIRA CORRIDA DA MOITA

A terceira corrida integrada na Feira Taurina da Moita, apresenta, Lotação ESGOTADA!

 

 

Cartel do terceiro espectáculo da Feira Taurina da Moita

Cavaleiros:

- Rui Fernandes

- Gilberto Filipe

- Filipe Gonçalves

- João Ribeiro Telles

- Luís Rouxinol Júnior

- Duarte Fernandes

- Tristão Ribeiro Telles

Grupo de Forcados:

- Grupo de Forcados do Aposento da Moita

Ganadarias:

- Passanha

google.com, pub-5416276538842499, DIRECT, f08c47fec0942fa0